quarta-feira, 16 de abril de 2008


Marrom...

Não sei ao certo, mas hoje devo estar inspirado de alguma forma a postar, lah vai mais um =D.

Gostaria de declarar que um paparazzi conseguiu uma incrível e inédita foto da Alcione (a Marrom), e o cara resolveu botar na net, como eu achei, trago a vocês a Marrom em seu incrível banho de chocolate!

E também trago a vocês com extrema exclusividade (pelo menos eu espero que sim), as várias formas de mergulho, técnicas, e forma física dos mergulhadores cubanos! (talvez fique um pouco grande mas eh foda).

Acarajé - Bonitinho, ele é grande, arredondado, e vem com um camarão grudado.

Acho que estou parindo - Um cruzamento do Torpedo com o Hérnia de Disco. O produto assemelha-se, em tamanho e formato, a uma lata de batatinhas Pringles. Depois que sai sobra um espaço vazio no reto.

Acho que estou virando um coelhinho - Um monte de cocozinhos redondos que parecem bolinhas de gude e que fazem barulhinhos ao cair na água.

Aerógrafo - Versão diarréia do Caminhão Basculante. Antes mesmo de você sentar, BUMMMM. Uma descarga explosiva recobre todo o interior do vaso de uma camada mais ou menos uniformes de respingos. A água continua limpinha.

Alcoólico Anônimo - Aquele feito na manhã seguinte a uma noite de bebedeira. Deixa uma marca longitudinal na porcelana após puxada a descarga.

Aproveitador - Está sempre à espera de uma distração, para dar o ar - fedorento - de sua graça.

Ainda tem um pendurado - Tem que esperar pacientemente o último pedaço cair, porque se você limpar se borra todo.

Arquimedes - “A merda bate na água, e a água bate na bunda”. Pela sua insistência em nos fazer recordar a Lei do Empuxo, foi batizado com o nome deste grande filósofo, cientista e cagão.

Balanço de Rede - Bem grande, ele atravessa o fundo da bacia no sentido vertical (de quem olha de cima) e cai com as duas extremidades fora d’água. Quando se dá a descarga, ele não consegue ir embora, e fica balançando lentamente pros lados, simulando um gostoso e preguiçoso balanço de rede.

Big bang - De temperamento altamente explosivo, normalmente acompanha uma dor-de-barriga chicotinho e não deixa limpo um só centímetro quadrado do seu vaso. Ao contrário do fenômeno que lhe deu o nome, o big bang faz você pensar que é o fim de tudo.

Bombardeio - Cai rápido e direto sobre o alvo, fazendo “glub”. Espirra água na bunda.

Ciranda, cirandinha - Pequeninos, infantis, inocentes, os bolotinhos que caem na água vão formando um grupinho alegre e feliz. Depois que o último deles junta-se à turminha (e só depois disso), tem início à coreografia: lentamente, fazem uma grande roda e começam a dançar. Você jura que está ouvindo eles cantarem! A inevitável despedida é tão dolorosa que certamente algumas lágrimas lhe cairão dos olhos. Portanto, nem olhe muito: dê logo descarga e corra pra chorar na cama!

Cabeludão - Aquele que você encontra quando a descarga não funciona, naquela altura inchada até ficar da grossura do seu antebraço.
Caminhão Basculante - Sai tão rápido que mal dá tempo de sentar.

Chama o encanador - Tão grande que entope o vaso e a água transborda.

Chato - Aquele que resiste mesmo depois de várias descargas.

Chokito - É impressionante sua semelhança com este delicioso chocolate!

Clean - Você sente sair, o bicho ta na privada, mas o papel ta limpinho.

Compreensiva - Espera que você chegue em casa.

Crocodilo - Fica boiando na água, com as costas de fora.

Dalai Lama - Transforma-se em peido e sobe até o Tibet.

Dolly - É presa num vidrinho e mandada para o laboratório.

Efeito ilha - Uma massa marrom e disforme saindo da
água.

Elevador - Desce de uma vez; movimento retilíneo uniforme.

Embora eu queira - Quando você fica sentado com uma baita dor de barriga, mas só peidando. Particularmente frustrante em banheiros públicos.

Espiga de milho – Auto explicativo.

Fantasma - Você sente sair, vê o bicho no papel, mas não tem nada na privada.

Falsa bosta - Dá a impressão de que vai rasgar o toba. Quando sai, é só um cocozinho.

Forrozim - Muitos toletes, em vários formatos e tamanhos, sempre saindo aos pares (Mastruz com Leite, Mel com Terra etc.). No final, como era de se esperar, os toletes são muitos, mas a bosta é uma só!

Fujona - Cai fora da água, dentro do vaso, e fica te olhando.

Gasosas - são os famosos peidos. Engana-se quem acha que peido é peido. Assim como o vapor é a consubstanciação da água, o peido é a evaporação da bosta.

Granada - Espalha-se pela parede do vaso, como estilhaços. Costuma resistir a várias descargas. Normalmente só é removível com aquela escova fedorenta que sua mãe deixa atrás do balde.

Hemorragia Cerebral - Aquele que requer tanta força que você fica todo roxo e quase tem um derrame.

Hérnia de Disco - Variante da Hemorragia, requer tanta força que você acha que está saindo de lado.

Iceberg - Quando está na água, o iceberg fica com 90% de sua massa submersa. Mas ele tem esse nome porque - dependendo de sua pontaria - ele pode afundar um Titanic.

Isopor - Leve como uma pluma, ele adora boiar. Pra fazê-lo ir embora é preciso ter muita paciência. Ele até tenta, mas não consegue ir embora… Seja compreensivo!

Inconformado - Ao contrário do “Isopor”, o inconformado não vai embora fácil da sua privada. Gosta de ficar na piscininha, e quando a gente dá descarga ele se agarra a tudo que pode. Para ele sumir, é uma verdadeira batalha! E os sinais desta batalha poderão ser vistos grudados nas paredes do cagadouro.

Inconveniente - Sempre vem na hora errada!

Lança Chamas - Chamusca os pelinhos. Faz você jurar nunca mais chegar perto do acarajé.

Loch Ness - Fica com uma ponta pra fora e o rabinho pra dentro d’água.

Líquidas - estas são líquidas e certas e aparecem durante as caganeiras. Praticamente mija-se pelo rabo. São tão rápidas e eficazes que sempre nos surpreendem. Você pensa que só peidou e quando olha, o vaso está cheio de merda!

Medroso - Por não saber nadar, fica lá em cima agarrando-se às ultimas esperanças (e cabelinhos). Precisa que a gente grite pra ele: “Pode saltar, que é raso!”.

Molhadinho - Depois de limpar a bunda umas cinqüenta vezes ainda parece que não ta limpo. Então você embola papel higiênico entre a bunda e a cueca pra não borrar.

Morreu um bicho aqui dentro - Também conhecido como Lixo Tóxico. É claro que você não avisa ninguém do odor infecto. Em vez disso, você fica disfarçadamente perto da porta do banheiro fazendo força para não dar risada enquanto as pessoas saem correndo e engasgando dali de dentro.

Mula - Empaca, trava tudo e não tem força que o faça sair. Dá nó nas tripas, tontura e - nos casos mais graves - até fissura anal. Em compensação, quando sai, arrasta quem estiver pela frente!

O Charada - Enigmático, o Charada cai na bacia formando um sinal de interrogação: uma pontinha de fora, e uma parte submersa fazendo uma curva fechada como um rabo de gato. O Charada autêntico é aquele que se faz acompanhar do ponto. Mas lembre-se de que você deve olhar pra baixo quando ainda estiver sentado. Se o fizer quando já estiver de pé, poderá ter a sensação de que cagou em espanhol, pois a interrogação estará de cabeça pra baixo.

O Gozador - Pilantrinha, sacana mirim, irreverente, pode ter muitas formas, mas tem um só comportamento: finge ir embora quando se dá descarga, mas sempre volta, devagarzinho, bota a cara pra fora do buraco e olha pra gente com a maior cara de pau…

Prometo mastigar minha comida melhor - Quando o pacote de Doritos da noite passada parece vidro moído ao sair.

Primogênito - Tão perfeito, marrom e saudável, que dá pena de puxar a descarga.

Periscópio - É tão grande, mas tão grande, que ao desprender-se do terminal do tubo digestivo, fica em pezinho parecendo estar observando alguma coisa. Seu nome, obviamente, vem do formato: é compridão e tortinho na ponta.

Rabo de Macaco - Não para de sair, tipo pasta de dente. Você tem duas escolhas: ou ir puxando a descarga e continuar mandando brasa, ou arriscar-se a ver o bicho ir empilhando até chegar a sua bunda.

Rolha - Aquele que veda a passagem e não deixa sair nada. É o terror dos hemorroidários.

Sólidas - dividem-se em duras, moles e médias, assim como as escovas de dente. As moles são aquelas que você defeca e nem sente. Escorrem como um carinho. Já as médias requerem algum esforço, mas, em compensação, não são como as duras, que além de exigir muita veia estufada no pescoço, ainda nos lançam num dilema atroz: se parar pra respirar ela sai ou volta?

Submarino - Fica a meia profundidade. Às vezes sobe, às vezes desce.

Tarzan - Só sai com auxilio vocal. ( “HOOOOOOOOOOOOOOOuuuOOuOOOOH”).

Tímido - Mergulha e some pelo encanamento, muitas vezes nós nem os vemos…

Titanic 1 - Vai direto para o fundo.

Titanic 2 - Imenso. Absurdo. Colossal. Tão grande que você pensa que ele jamais vai afundar. O negócio é tão escandaloso que se o seu WC fosse um cinema, com toda certeza ia juntar uma turma de gente pra ver, mesmo pagando. É um tipo raro, mas quem consegue fazer um desses certamente pode encher o bolso de dinheiro. E em quantidade suficiente para preencher o enorme “vazio” que ficou.

The Flash - Mal você vai se acomodando na privada, e ele já vai descendo com tudo!! Atenção redobrada, ou você vai acabar sentando nele. Como ele é muito rápido, quando você for sentar, o miserável poderá já estar deitadinho, à sua espera, na borda da bacia… E amassar cocô com as coxas não é lá uma coisa muito agradável… Mesmo ele estando quentinho.

Tom & Jerry - Quando a gente levanta da bacia e vê apenas dois bolotinhos, pode ter certeza de que fez um autêntico Tom & Jerry. A prova vem quando se dá descarga: de imediato tem início a perseguição, com eles correndo em círculos numa velocidade alucinante, para depois perderem-se para sempre no buraco sem fundo da fossa da nossa casa. O lado chato dessa história é que nunca se sabe o final. Terá Jerry escapado, ou terá Tom o alcançado? Jamais saberemos…

Tonner - A única prova material de todo seu esforço é um ligeiro escurecimento da água.

Torpedo - Tão grande que dá medo de puxar a descarga sem antes quebrar no meio com o cabo de uma escova de dentes.

Trenzinho - Em pedaços de tamanho uniforme, ele sai ligeiro e vai logo em direção ao túnel. Quando os pedaços são grandes, o apito vem do dono!
Zerado - Pretão, ele tem uma capa dura e lisinha por fora, e é bem molinho por dentro. Assemelha-se a um sorvete com cobertura quente de chocolate.

8 comentários:

Breno disse...

Premoniçao... soh pode

Breno disse...

do nada eu resolvo vir aki e pego first coment, Yeah!! nada como 1 velha premoniçao... quanto ao post, HOLY SHIT (palavrao em ingles pode neeh?) e o pior eh q o post continua, sao MAIS DE 61 tipos (sim eu contei) de "merCUlhos" (entendeu?? mer CU lhos, pegou?) ao tipico estilo holy shit... quem mais postaria algo assim neeh

Bruno disse...

ate q eh bunitinha!

Tio mafa disse...

huahuahuahuahua
me caguei de rir (trocadilho [2])

mt bom

Grunge disse...

Desculpe holy, mas que post de bosta esse heim...rsrsrs
(hã hã hã? entendeu? de bosta...rsrsr)
aff

Sora 空 disse...

NOJO...

Holy Shit disse...

uahseuh ainda bem q gostaram (haha entenderam? Bom, não tem trocadilho mesmo =D)

Holy Shit disse...

HAHA manjei os trocadilhos do tio mafa, grunge e breno, mas, cara, vamos destacar o breno: ELE CONTOU! eta porra cara foda esse hein uasheuhe